Silagem de milho: monitorar a colheita é fundamental

Postado em: 03/01/2018 - 2 min de leitura

Silagem de milho: monitorar a colheita é fundamental
Por Thiago Fernandes Bernardes, Professor do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras (UFLA) - MG.

Artigo publicado anteriormente no site MilkPoint.

A colheita da cultura do milho para a produção de silagem está se aproximando e esta etapa do processo de ensilagem é considerada chave porque a mesma tem impacto sobre a conservação, consumo e digestão do alimento. Durante a colheita é que se observa o montante de grãos que está sendo quebrado. Caso o índice não seja adequado, os ajustes na colhedora ainda são passíveis de serem realizados.

Por que quebrar os grãos? Porque é neles que está depositado o amido, a grande riqueza energética da silagem de milho. Silagem com grãos inteiros ou parcialmente quebrados é um alimento deficiente em energia. O amido é o nutriente que faz a vaca produzir leite.

Como avaliar o processamento de grãos durante a colheita?

Passo 1: É necessário um recipiente de 1 (um) litro;

Passo 2: Colete dos vagões que estão fazendo o transporte da silagem, de dois a três litros por hora;

Passo 3: Cada litro coletado deve ser colocado sobre uma superfície plana e limpa. Separe os grãos da porção vegetativa e conte-os. Cada litro de forragem não deve ter mais que cinco grãos inteiros. Grãos mal processados devem ser considerados como grãos inteiros. A Figura 1 mostra grãos bem (verde) e mal processados (vermelho).

Grãos bem (verde) e mal processados (vermelho)

O que pode ser feito quando o processamento dos grãos não está adequado?

Como no Brasil a colheita é realizada por máquinas com características bem distintas (as tracionadas por trator e as autopropelidas) as ações para melhorar o processamento dos grãos devem focar o tipo de colhedora. Para as tracionadas por trator é indicado verificar se a distância entre a contra-facas e as facas não sofreu alteração original. O distanciamento destes conjuntos pode ocorrer em equipamentos com prolongado tempo de uso. Somado a isso, as facas devem ser afiadas, no mínimo, duas vezes ao dia. Outro ajuste a ser feito é a mudança de posição das engrenagens para reduzir o tamanho da partícula.

Quando a colheita está sendo desempenhada por uma autopropelida, o processamento pode ser melhorado por meio do afiamento das facas e da regulagem da distância entre os rolos que são responsáveis pela quebra dos grãos. Observe também a velocidade da colhedora, pois a mesma pode afetar a qualidade da picagem, independentemente do modelo utilizado.

--

Quer aprender a produzir e utilizar silagem de forma eficiente? Participe do curso on-line disponível no EducaPoint, Produção e utilização de silagem, apresentado pelo Dr. Thiago Bernardes Fernandes. 

Assine o EducaPoint para ter acesso completo a este curso e muitos outros (já são cerca de 130 temas!). Aproveite que uma assinatura garante acesso a todo o conteúdo, que está sempre aumentando com novos lançamentos de cursos. 

Mais informações:
contato@educapoint.com.br
Telefone: (19) 3432-2199
WhatsApp (19) 99817- 4082 
www.educapoint.com.br
Baixe o aplicativo para celular

Dúvidas, críticas ou sugestões de temas? Envie um e-mail para  contato@educapoint.com.br

Você sabia que pode com um único valor mensal ter acesso ilimitado a esses e centenas de cursos online?

O EducaPoint é uma plataforma preparada para trazer a melhor estrutura em cursos online para ajudar você no seu agronegócio.

Quer ter acesso a todos os cursos da plataforma?