Cuidado com nitratos elevados em vacas prenhes

Postado em: 03/11/2021 - 4 min de leitura

Cuidado com nitratos elevados em vacas prenhes
A seca deste ano trouxe muitos desafios para os produtores de gado. Altos níveis de nitrato no alimento dos animais é algo que os produtores precisam estar cientes, especialmente para o rebanho reprodutivo.
 
Os nitratos podem ser encontrados em várias forragens e ervas daninhas, como milheto, aveia, trigo, milho, sorgo, para citar alguns. Os nitratos são retirados do solo pelas raízes da planta e por meio da fotossíntese. Os nitratos são então convertidos em tecido vegetal como aminoácidos, proteínas e outros compostos nitrogenados.
 
Embora todas as plantas contenham alguns nitratos, diferentes práticas de manejo e eventos imprevistos podem amplificar a quantidade de nitratos encontrados nas forragens. As condições que podem alterar os níveis de nitrato incluem:
 
- clima (seca, congelamento, granizo);
- aplicações de herbicidas e fertilizantes;
- doença.
 
O nível de nitratos em uma planta depende do estágio de maturidade, do nível de nitrato do solo, da quantidade de luz solar e da parte da planta (o terço inferior do caule tem o nível de nitrato mais alto). Como resultado, teste os níveis de nitrato em suas forragens antes de fornecer aos animais.
 
Alimentando vacas prenhes
 
Durante as secas, o pastoreio de culturas forrageiras em pé, como milheto, é uma prática comum. Com fêmeas prenhes, entenda que o manejo do pastejo é fundamental para evitar a toxicidade do nitrato e possíveis abortos.
 
Com a concentração mais alta de nitrato ocorrendo no terço inferior da planta, não force as vacas a pastar mais do que as folhas e os caules superiores. Pastando apenas as folhas e caules superiores, isso reduzirá o influxo de nitratos, porque os animais podem ser seletivos e consumirão o material de folhas de melhor qualidade e mais palatável antes do caule. Isso é benéfico para diminuir a toxicidade.
 
Além disso, considere a densidade de lotação de uma pastagem que pode ser levemente mais alta em nitratos. Normalmente, as vacas serão seletivas em seu pastoreio; no entanto, se houver excesso de estoque, as vacas podem não ser tão exigentes e podem pastar demais as plantas ou ingerir ervas daninhas, resultando assim em toxicidade.
 
O envenenamento por nitrato pode ser letal em níveis suficientemente altos. Quando forragens ricas em nitrato são fornecidas para o gado, o nitrato é convertido em nitrito no rúmen. Em níveis suficientemente altos, o nitrito, o composto tóxico, é absorvido pelo sangue e causa diminuição da capacidade de transporte de oxigênio por todo o corpo. Com nitratos suficientes, a capacidade de transporte de oxigênio do animal diminui, o que pode ser letal.
 
Com uma fêmea prenhe, se os níveis de nitrato ficarem altos o suficiente, o oxigênio para o feto diminui e podem ocorrer abortos precoces. Se abortos forem observados no segundo e terceiro trimestres, onde fetos dispersos visíveis se apresentam, procure sangue de cor acastanhada. Isso indicaria que o feto carecia de oxigênio. Se mais de uma vaca abortar com resultados semelhantes, tome as medidas adequadas para alimentar seu rebanho reprodutivo. Infelizmente, os sinais de alerta de nitratos elevados na vaca antes do aborto são improváveis, pois o aborto pode ser o primeiro sinal de alerta.

=> Se quiser aprender mais sobre temas relacionados a esse, acesse o curso Criação de bovinos de corta a pasto: planejamento alimentar. O curso pode ser adquirido individualmente ou você pode optar por assinar a plataforma EducaPoint, tendo acesso a todos os cursos disponíveis (mais de 240!) por um preço único. Clique aqui para assinar.
 
Durante as condições de seca, é uma prática comum fazer o teste de prenhez no rebanho mais cedo para encontrar fêmeas abertas. No entanto, pode ser necessário fazer uma verificação de prenhez mais tarde no outono, especialmente se o rebanho reprodutivo começar a mostrar sinais de vacas abertas. O potencial de nitratos elevados pode ser o culpado por vacas abertas.
 
Portanto, preste atenção ao nível de nitratos para garantir que as vacas não atinjam um nível que comprometa a saúde fetal. Abortos por envenenamento por nitrato podem não ser precedidos por alguns sintomas de envenenamento por nitrato em vacas prenhes. Os sintomas de envenenamento por nitrato a serem observados incluem:
 
- respiração difícil e rápida, ou respiração pela boca;
- batimento cardíaco rápido e fraco;
- temperatura corporal abaixo do normal;
- fraqueza ou perda de coordenação muscular;
- pigmentação azulada ao redor dos olhos ou membranas mucosas;
- sangue de cor acastanhada;
- dilatação acentuada das pupilas;
- colapso;
- morte.
 
Se algum desses sintomas for observado, retire os animais da fonte de alimentação imediatamente e teste o alimento.
 
Manejando  nitratos
 
Fazer um teste antes de fornecer as forragens ou colocar as vacas nas plantações de forragem para pastar garante que as vacas não consumam níveis tóxicos de nitratos. Se os níveis de nitratos forem altos, mas dentro de um nível de cautela, deve-se tomar o manejo adequado durante a alimentação.
 
Suplementar as vacas enquanto se adaptam ao pasto de nitratos mais elevados é a chave. Isso garantirá que as vacas fiquem satisfeitas e não se entreguem excessivamente, e permite que elas se adaptem gradualmente a nitratos mais elevados. Se for fornecer alimentos colhidos com alto teor de nitratos, eles podem ser misturados em taxas diferentes, dependendo do nível de nitratos na forragem.
 
* Baseado no artigo Manage high nitrates with pregnant cows, da South Dakota State University Extension, publicado na BEEF Magazine.
 
Mais informações: 
contato@educapoint.com.br
Telefone: (19) 3432-2199
WhatsApp (19) 99817- 4082 

Neste curso, Dr. Marco Aurélio Factori, Professor da UNOESTE e especialista no manejo de plantas forrageiras ensina como fazer o correto planejamento alimentar para gado de corte em sistema de pastagem.

Você sabia que pode com um único valor mensal ter acesso ilimitado a esses e centenas de cursos online?

O EducaPoint é uma plataforma preparada para trazer a melhor estrutura em cursos online para ajudar você no seu agronegócio.

Quer ter acesso a todos os cursos da plataforma?