Bezerras leiteiras: 4 metas do programa de crescimento

Postado em: 21/08/2018 - 2 min de leitura

Bezerras leiteiras: 4 metas do programa de crescimento
Criar bezerras e novilhas não é barato, sendo, geralmente, a terceira maior despesa de uma propriedade leiteira, perdendo apenas para alimentação e mão de obra.

O tempo entre o nascimento e o primeiro parto é um longo período, enquanto os animais não entram na vida produtiva e não geram receita as despesas vão se acumulando.

Considerando o fato de que muitas vacas leiteiras somente completam três ou menos lactações em sua vida produtiva, muitos animais passam quase metade da sua vida como novilhas, especialmente as vacas que são precocemente descartadas.

Dados da Cooperativa Castrolanda de Castro, PR, estimaram os custos totais de criação de uma novilha leiteira parindo aos 24 meses em R$ 3.751,00. Isso com média tecnologia. Quase 70% desse custo foi alimentar.

Em outras palavras, cada novilha tem um custo diário de R$ 5,14 por cabeça por dia, que foi estimado pegando o valor total dividido por 730 dias, ou seja, dois anos, já que a meta é fazer com que as novilhas tenham sua primeira parição aos dois anos.

Confira os dados abaixo:



Note que, na primeira fase, o gasto é muito maior, devido ao leite, que está sendo fornecido aos animais e deixando de ser comercializado.

Os dados deixam claro que postergar a primeira cobertura de novilhas não é uma prática favorável. Quanto antes essa fêmea entrar no lote de vacas e começar a amortizar o investimento que foi feito em sua criação, melhor.

Metas de um programa de crescimento de bezerras leiteiras:

Meta #1: Mortalidade inferior a 3%

A mortalidade tem que ser inferior a 3%. Esse é um valor muito difícil de ser alcançado, mas é factível e há muitas fazendas que alcançam esse valor.

Essa porcentagem exclui os natimortos, que são os bezerros que nascem mortos ou morrem logo após o nascimento.

Meta #2: Alto consumo de ração ao desmame

O consumo de ração ao desmame deve ser de 0,75 a 1,0 kg por dia, por pelo menos dois dias consecutivos. Quando isso acontece, a bezerra está sinalizando que está pronta para ser desmamada.

Meta #3: Desmame aos 60 dias

Principalmente para animais de sangue europeu.

Meta #4: Dobrar o peso ao nascer na 8a semana

Essa meta é considerada até conservadora para muitos produtores. No entanto, em termos nacionais, quem alcança essa meta já está fazendo um bom trabalho.

Considere uma bezerra holandesa que nasce com 42 quilos. Assim, a meta é que, aos 60 dias, essa bezerra esteja com aproximadamente, 84-85 quilos. Essa é uma meta que já vem sendo alcançada por muitas fazendas e, inclusive, algumas já instituíram a meta de 2,5 vezes o peso ao nascer.

Confira no vídeo abaixo o professor da Universidade Federal do Paraná, Rodrigo de Almeida, explicando sobre essa questão:

 
Essa é uma das aulas do curso on-line Índices zootécnicos: índices reprodutivos e de melhoramento, disponível no EducaPoint. Neste curso, o professor Rodrigo de Almeida, aborda todos estes índices, auxiliando técnicos e produtores a melhorarem os resultados em propriedades leiteiras.

Confira aqui o programa completo! Gostaria de assistir às outras aulas desse curso? Assine o EducaPoint.

Com planos totalmente acessíveis, a plataforma oferece o que há de melhor e mais atual na pecuária brasileira, e os assinantes têm acesso ilimitado a TODOS os cursos (já são mais de 150 temas).

Conheça os planos aqui! 

Mais informações:
contato@educapoint.com.br
Telefone: (19) 3432-2199
WhatsApp (19) 99817- 4082  

Conheça a maior plataforma do agronegócio, acesse nossos cursos gratuitos!