COMO MANTER A PROPRIEDADE LIVRE DA BRUCELOSE ANIMAL?

Intermediário

7h de estudo

01:51:01 em vídeos

de 9 avaliações

POR QUE PARTICIPAR DESTE CURSO?

A brucelose é uma doença bastante importante na produção animal, acometendo várias espécies animais. Para a pecuária, a brucelose traz inúmeros prejuízos econômicos, com diminuição da produção de leite e de carne, além dos muitos prejuízos reprodutivos. Justamente devido à sua importância, o governo lançou no ano 2001 o Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e da Tuberculose Animal (PNCEBT).

Como manter a propriedade livre de brucelose animal? Como surgiu e em que está pautado o PNCEBT? Quais vacinas utilizar para controle dessa doença?

Nesse curso, a médica veterinária, Elaine Maria S. Dorneles, explica o histórico e a origem do PNCEBT, explicando em que se baseiam seus regulamentos.

O curso traz informações sobre como diferenciar as vacinas existentes contra a brucelose animal e qual delas utilizar em qual momento.  Você também vai aprender como obter a certificação de propriedade livre de brucelose animal.

Você também vai entender como funciona o sistema de classificação dos estados, inovação que foi introduzida nas novas regulamentações, bem como vai entender o que mudou do regulamento técnico que estava vigente até 2017 e o novo, que entrou em vigência neste ano.

Por fim, o curso aborda a questão da brucelose humana, já que as pessoas que trabalham com animais têm maior risco de ter essa doença, cujo diagnóstico é difícil.

O controle da brucelose é essencial para o bom desempenho do rebanho bovino. Por isso, não espere mais para tirar todas as dúvidas que tenha sobre esse importante tema que afeta a sanidade do seu rebanho!

Assista à apresentação do curso ministrado por: Elaine Maria Seles Dorneles.

Programa do Curso

Esse é um curso de Nível Intermediário. É necessário algum conhecimento prévio sobre o assunto.

O curso possui mais de 01:51:01 em vídeo aulas e pode ser completado com apenas 7 horas de estudo.

Veja o conteúdo que será abordado durante o curso:

MÓDULO 1: Histórico, contexto e principais estratégias do PNCEBT
  • Introdução
  • Histórico e objetivos do PNCEBT
  • Principais estratégias do PNCEBT: compulsórias e voluntárias
  • Vacinação
  • Diagnóstico
  • Veterinários cadastrados x veterinários habilitados
  • Certificação de propriedades
  • Classificação dos estados
MÓDULO 2: O que mudou com o novo regulamento técnico do PNCEBT?
  • Vacinação: o que mudou no regulamento técnico novo
  • Diagnóstico: o que mudou no regulamento técnico novo
  • Certificação: o que mudou no regulamento técnico novo
  • Classificação dos estados
MÓDULO 3: Como utilizar as vacinas B19 e RB51 dentro do PNCEBT?
  • Características da B19
  • Características da RB51
  • Características da Brucella abortus e relação com as vacinas
MÓDULO 4: O que fazer para obter a certificação da propriedade de livre de brucelose bovina?
  • Processo de certificação
  • Exames para certificação
MÓDULO 5: Como vai funcionar o sistema de classificação dos estados conforme a situação da doença?
  • Sistema de classificação dos estados
  • Estudos epidemiológicos para determinação da situação epidemiológica dos estados
  • Estados com situação epidemiológica conhecida
MÓDULO 6: Brucelose humana ocupacional e acidente vacinal
  • Brucelose humana
  • Brucelose ocupacional: profissões em risco e os principais riscos
  • Acidente vacinal: como ocorre e como evitar?

Elaine Maria Seles Dorneles

É professora do Departamento de Medicina Veterinária da Universidade Federal de Lavras e responsável pelo Laboratório de Epidemiologia Molecular e Biologia Celular ( @labepidemiologiamolecular ). Possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Minas Gerais e mestrado e doutorado em Ciência Animal pela mesma instituição, com doutorado sanduíche Virginia Polytechnic Institute and State University (Virginia Tech). Suas pesquisas tem foco principalmente em doenças infecciosas bacterianas de importância em saúde animal e em saúde pública, atuando principalmente em brucelose, leptospirose, linfadenite caseosa, tuberculose e infecções causadas por Staphylococcus aureus. Os projetos são baseados na estratégia One Health e buscam contribuir para a busca de vacinas novas ou mais eficazes, investigar a relação parasita-hospedeiro, melhorar ou desenvolver estratégias de diagnóstico, além de determinar a situação epidemiológica e fatores de risco para essas enfermidades.
OUTROS CURSOS DESSE INSTRUTOR

Invista no futuro do seu negócio com o EducaPoint

Contato

Caso tenha alguma dúvida, questão, ou sugestão, entre em contato conosco preenchendo corretamente o formulário abaixo. Será um prazer lhe atender!

Você também pode aproveitar a oportunidade para nos indicar temas de seu interesse!

Responderemos suas solicitações o mais breve possível.